Três argelinos suspeitos de pertencer a uma rede de financiamento da Al-Qaeda foram detidos nesta terça-feira nas províncias espanholas de Guipuzcoa (País Basco, norte) e Huelva (Andalucia, sul), anunciou o Ministério do Interior.

Os três, detidos nesta manhã pela guarda civil, são acusados de enviar dinheiro, desde 2001, a organizações terroristas "ligadas diretamente à Al-Qaeda", segundo o comunicado do ministério.

Um deles foi detido em Azkoitia, em Guipuzcoa, e os outros dois, perto de Huelva, durante uma investigação aberta em 2005 pelo juiz Ismael Moreno, membro da Audiência Nacional, principal instância penal espanhola encarregada de assuntos relacionados a terrorismo.

gg/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.