Argel, 11 jan (EFE).- O presidente da Argélia, Abdelaziz Bouteflika, e o vice-presidente do Irã, Hossein Dahkane, pediram hoje a interrupção do genocídio contra os habitantes da Faixa de Gaza.

Este apelo foi feito após uma reunião entre Bouteflika e Dahkane, que visita Argélia.

Em declaração à imprensa após a entrevista, o vice-presidente iraniano disse que este "genocídio" é o resultado de uma "política israelense selvagem" na Faixa de Gaza.

Ele acrescentou que conversou com o chefe do Estado argelino sobre as formas que permitam chegar ajuda humanitária e médica para Gaza, assim como sobre os planos que estão sendo tomados ao mais alto nível do mundo islâmico e árabe.

Bouteflika e Dahkane destacaram a necessidade de mobilizar as instâncias internacionais para a realização destes objetivos. EFE sk/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.