Arcebispado dos EUA pagará 5,5 milhões de dólares a vítimas de padres pedófilos

O Arcebispado de Denver (Colorado, oeste dos Estados Unidos) chegou a um acordo sobre 18 denúncias civis de vítimas de sacerdotes pedófilos, num total de 5,5 milhões de dólares, informou a instituição nesta terça-feira em um comunicado.

AFP |

As denúncias se referem a abusos entre os anos 50 e 80. Os três padres envolvidos já morreram, segundo o comunicado do arcebispo, que vendeu alguns bens da instituição para arrecadar o dinheiro.

Desde 2005, o Arcebispado já destinou 8,22 milhões de dólares para resolver, através de acordos, 42 denúncias de pedofilia. O acordo anunciado nesta terça-feira é o último de uma longa série entre a Igreja Católica e vítimas de abusos sexuais desde 2002 nos Estados Unidos.

Ao todo, a Igreja já pagou cerca de 3 bilhões de dólares às vítimas, que acusaram as autoridades religiosas de fazer vista grossa aos abusos.

Segundo a organização "Bishop accountability", aproximadamente 3.000 sacerdotes, de um total de 42.000 nos Estados Unidos, foram objeto de denúncia. Estas, no entanto, raramente chegam à justiça penal, graças ao estabelecimento de acordos financeiros deste tipo.



    Leia tudo sobre: eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG