Riad, 3 jun (EFE).- O Ministério da Saúde de Arábia Saudita confirmou o primeiro caso de gripe suína no país, correspondente a uma enfermeira de origem filipina que voltava de um período de férias em sua terra natal.

"Os testes de laboratório recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) revelaram que uma enfermeira foi contaminada com o vírus", diz um comunicado oficial saudita.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE nq-jrg/bba

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.