Uma célula da Al-Qaeda, com 101 integrantes, foi desmantelada na Arábia Saudita, anunciou nesta quarta-feira o Ministério do Interior do país.

O número total de pessoas detidas é de 101, segundo um comunicado ministerial lido no canal estatal Ejbariya.

Entre os detidos, 47 são de nacionalidade saudita e 51 são procedentes do Iêmen, Somália, Bangladesh e Eritreia. O comunicado não revela a nacionalidade de três pessoas.

O ministério destaca que os membros da célula se preparavam para cometer "atos terroristas" na Arábia Saudita, o maior exportador mundial de petróleo.

Leia mais sobre Al-Qaeda

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.