Apuração quase terminada aponta vitória da oposição em departamento boliviano

La Paz, 1 jul (EFE).- A candidata de oposição Savina Cuéllar está na frente com 51,8% dos votos nas eleições para Prefeitura do departamento (estado) boliviano de Chuquisaca, com a apuração quase terminada, informou hoje a Corte Nacional Eleitoral.

EFE |

A candidata pelas organizações cívicas opositoras ao Governo de Evo Morales tem a seu favor quase 76 mil votos com 94,7% das urnas apurados.

Já o candidato do governista Movimento ao Socialismo (MAS), o sociólogo Walter Valda, recebeu mais de 64 mil votos, o que representa quase 44% do total.

O departamento boliviano de Chuquisaca realizou no domingo passado eleições antecipadas para escolher seu novo governador, depois que o titular anterior, o governista David Sánchez, renunciou ao cargo e fugiu do país.

Sánchez abandonou seu posto após os violentos protestos registrados em novembro passado contra a Assembléia Constituinte, que deixaram três mortos e centenas de feridos.

Os protestos contra a Constituinte foram suscitados pela retirada da agenda da mudança dos poderes Executivo e Legislativo para Sucre.

Cuéllar baseia sua vitória nos 63 mil votos recebidos na província de Oropeza, onde está a cidade de Sucre, capital departamental, que representa 53% da população de Chuquisaca.

O candidato governista, que não superou 28% em Sucre, se impõe na área rural, onde o MAS conserva sua hegemonia, mantém um apoio similar aos 67 mil votos (42%) que recebeu nas eleições de dezembro de 2005, quando ganhou a Prefeitura. EFE az/bm/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG