Apuração dá vitória certa a Constituição de Morales

La Paz, 30 jan (EFE).- Com 99,8% das urnas apuradas, segundo a Corte Nacional Eleitoral (CNE), a nova Constituição da Bolívia, proposta pelo presidente Evo Morales, tem aprovação praticamente garantida pelo referendo realizado domingo, com 61,47% dos votos favoráveis, contra 38,53% que se opõem à mudança.

EFE |

Em números absolutos, a nova Carta Magna, que permitirá a Morales se candidatar à reeleição em 2012 soma 2.062.024 votos a favor e 1.292.260 contrários.

A maior aprovação foi no departamento de Potosí, onde 80% se mostraram a favor da mudança constitucional, seguida pela província da capital La Paz, onde a aprovação foi de 78%, ambos com a apuração concluída.

Mesmo com a Constituição aprovada, porém, Morales deverá ter dificuldades nas regiões autonomistas, onde ela é rejeitada pela maioria da população, como Santa Cruz, onde 65% dos votos são contrários, com 99,72% das urnas apuradas, e Beni, onde a rejeição é de 67%, com 97,4% da apuração concluída. EFE lav/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG