Buenos Aires, 24 abr (EFE).- Na Argentina, o Índice de Confiança no Governo (ICG) caiu 7% em relação ao mês de março, segundo um relatório elaborado pela Universidade Torcuato Di Tella divulgado nesta quinta-feira.

A queda da aprovação de imagem do Executivo aconteceu em meio a uma forte disputa com o setor agropecuário, que realizou uma greve de três semanas. Em 2 de abril, os trabalhadores rurais estabeleceram uma trégua, que até agora não serviu para superar o conflito.

No entanto, o estudo aponta que as autoridades seguem desfrutando da confiança da maioria da população.

Cerca de 52% das 1.200 pessoas ouvidas nos principais centros do país acreditam que o Governo está resolvendo os problemas ou sabe como fazê-lo, mas necessita tempo. EFE hd/plc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.