Apresentadora de TV morre após ser alvo de ataque nos EUA

A morte de uma apresentadora de televisão de Arkansas causou comoção nos Estados Unidos. Anne Pressly, de 26 anos, faleceu no fim de semana, poucos dias depois de ser atacada em sua própria casa.

BBC Brasil |

A apresentadora foi brutalmente espancada e recebeu golpes na cabeça e no rosto. Segundo os médicos, as pancadas provocaram um grande inchaço no cérebro de Pressly.

Ela foi encontrada por sua mãe na casa onde morava, em Little Rock, no último dia 20. A mãe da apresentadora só descobriu a filha ferida ao decidir ir pessoalmente à casa de Pressly, que não atendia aos seus telefonemas.

Ao ser socorrida, a apresentadora estava tão machucada que não conseguiu falar com a polícia.

Os investigadores ainda não conseguiram identificar um suspeito ou uma razão para o ataque, mas suspeitam que Pressly tenha sido vítima de um assalto.

Relatos indicam que o cartão de crédito da vítima teria sido usado depois do ataque.

Filme e recompensa
A emissora para a qual a apresentadora trabalhava, a KATV, do Estado de Arkansas, está oferecendo uma recompensa por informações que levem à prisão e condenação do assassino.

O site da emissora recebeu centenas de mensagens de condolências e homenagens. Pressly apresentava o programa matinal de notícias da KATV.

A apresentadora fez um papel pequeno no filme W, do diretor Oliver Stone, inspirado na vida do presidente americano George W Bush.

No filme, Pressly interpreta uma analista política conservadora que faz comentários favoráveis a Bush.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG