Michele Bachmann criticou música ofensiva tocada pela banda do programa de entrevistas no momento em que foi recebida na atração

Jimmy Fallon, apresentador do programa Late Night, do canal americano NBC, desculpou-se nessa quarta-feira por meio do Twitter pela maneira como a pré-candidata republicana Michele Bachmann foi recebida na atração.

Michele Bachmann disse que episódio não passaria incólume se fosse com Michelle Obama (foto de arquivo)
AFP
Michele Bachmann disse que episódio não passaria incólume se fosse com Michelle Obama (foto de arquivo)

Quando a congressista por Minnesota surgiu no palco do Late Night, a banda do programa, o grupo The Roots, começou a tocar uma canção do grupo Fishbone, de 1985, chamada Lyin Ass Bitch, que pode ser traduzida para algo como "vaca mentirosa". "Foi uma honra receber Michelle Bachmann no programa e lamento muito a ofensa da introdução. Realmente espero que ela retorne", escreveu Fallon em sua página oficial na rede de microblogs.

A pré-candidata, uma das principais estrelas do movimento conservador Tea Party, reclamou do tratamento recebido em declarações à rede de televisão Fox. "Essa é uma amostra da parcialidade que existe em parte da elite de entretenimento de Hollywood. Isso não seria tolerado se fosse a (primeira-dama) Michelle Obama", disse a parlamentar.

A republicana comentou que esperava falar por telefone com Fallon para esclarecer a situação e admitiu que voltaria ao programa. Michele afirmou também que não se surpreende que a NBC não tenha se desculpado e que espera que a banda musical receba alguma ação disciplinar.

A congressista democrata por Nova York Nita Lowey qualificou o incidente de "insultante e inadequado". "Não compartilho as políticas de Bachmann, mas ela merece ser tratada com respeito. Nenhuma mulher deveria ser tratada dessa forma tão ofensiva", afirmou.

O baterista do The Roots, Questlove, declarou que a escolha do tema foi algo "espontâneo". "O programa não tinha conhecimento do que fizemos e me sinto mal se ferimos seus sentimentos. Não foi nossa intenção", explicou o músico.

Michele, que, segundo as pesquisas, não tem chances de ser escolhida candidata do Partido Republicano, vem aparecendo em muitos programas de televisão para divulgar sua autobiografia.

Os principais cotados para enfrentar o presidente Barack Obama nas eleições de 2012 do lado republicano são o ex-governador de Massachusetts Mitt Romney e o empresário Herman Cain .

Com EFE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.