Embaixador de Bin Laden na Europa não será extraditado - Mundo - iG" /

Embaixador de Bin Laden na Europa não será extraditado

O clérigo islâmico Abu Qatada, considerado o embaixador na Europa do líder da rede terrorista al-Qaeda, Osama bin Laden, não será extraditado para a Jordânia, decidiu nesta quarta-feira um tribunal de apelações em Londres.

AFP |

O tribunal determinou que Abu Qatada, preso na Grã-Bretanha desde 2005, por suspeitas de terrorismo, não deve ser extraditado para seu país de origem, a Jordânia, e que o governo britânico deve suspender seu recurso de extradição contra ele.

Em um outro caso, a corte se pronunciou também contra a extradição de 12 líbios suspeitos de terrorismo.

As decisões do tribunal representam um golpe à política antiterrorista do governo do primeiro-ministro britânico Gordon Brown, que disse em seguida que vai apelar da sentença da corte.

O governo britânico pediu a deportação de Qatada após obter garantias da Jordânia de que o clérigo não seria torturado. Mas essas "garantias" foram questionadas por organizações de defesa dos Direitos Humanos.

"As promessas de 'Estados que torturam', como Líbia e Jordânia, não valem o papel em que estão escritas", afirmou a Anistia Internacional, ressaltando que tanto "o terror como a tortura são abomináveis".

ame/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG