Após vulcão obrigar abandono total, cidade chilena é inundada por rio

Um rio inundou cerca de 40 casas da cidade de Chaitén, totalmente desabitada após a erupção de um vulcão nas suas proximidades, que mantém sua atividade com emissão de cinzas até o lado argentino, informou o Escritório Nacional de Emergências (Onemi).

AFP |

"Mantém-se a atividade do vulcão em forma permanente com emanações de cinzas para o nordeste", destaca o último relatório da Onemi.

"A inundação do rio Chaitén ou Blanco, que cruza a cidade, atingiu 40 residências", acrescentou.

O Onemi afirmou que ainda está investigando o aumento do nível das águas, mas o especialista em vulcões Hugo Moreno assinalou que havia sido produzido pela acumulação de cinzas e outros fragmentos vulcânicos.

O povoado, localizado a 10 km do vulcão Chaitén, foi totalmente abandonado, com a saída dos seus quase 4.000 habitantes. Na última sexta-feira, as autoridades fecharam todos os acessos e as únicas informações são obtidas por canais oficiais.

O Onemi informou que o nível do rio já se encontrava em seus parâmetros normais.

pa/fb/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG