Após recorde inicial, eleições sérvias registram baixa participação

Belgrado, 11 mai (EFE).- O nível de participação nas eleições legislativas sérvias de hoje, decisivas para o futuro europeísta do país, caiu durante a tarde, após ter registrado nas primeiras horas de votação um recorde na história recente.

EFE |

Às 14h local (9h de Brasília), após sete horas de votação, a participação tinha alcançado 29,4% do censo, 4,5% a menos que nas presidenciais de fevereiro, segundo dados da organização governamental Centro para as Eleições Livres e a Democracia (Cesid).

"Há uma queda de participação depois do meio-dia, e depois que na manhã foi registrada uma afluência muito alta", disse Zoran Lucic, diretor do Cesid, ONG com longa experiência na supervisão das eleições na Sérvia.

Segundo as pesquisas, nenhuma das formações conseguirá maioria absoluta para poder governar sozinho.

As eleições ocorrem em um ambiente de profunda divisão do eleitorado e de reservas em relação à União Européia (UE) devido à crise do Kosovo, que se autoproclamou independente em fevereiro e foi reconhecido por vários países europeu, apesar da oposição da Sérvia.

Os favoritos para as eleições são o pró-europeu Partido Democrático (DS), do presidente Boris Tadic, e o ultranacionalista Partido Radical Sérvio (SRS), que no passado foi aliado do líder autoritário Slobodan Milosevic, expulso do poder em 2000.

Considera-se que a terceira força por número de votos será o Partido Democrático da Sérvia (DSS), do primeiro-ministro em fim de mandato, Vojislav Kostunica, um pró-europeu que governou em coalizão desde 2007 com o DS, mas que se transformou em crítico implacável da UE após a independência unilateral do Kosovo.

A votação vai se desenvolvendo quase sem incidentes, apesar da imprensa local ter informado sobre uma briga entre dois sérvios, partidários de diferentes opções políticas, em um colégio eleitoral da zona de Banja, perto de Mitrovica, que deixou uma pessoa levemente ferida.

Os 8.682 colégios eleitorais, abertos às 7h (2h de Brasília), fecharão suas portas às 20h (15h de Brasília), e os primeiros resultados devem sair poucas horas depois.

Hoje acontecem na Sérvia também as eleições locais e as parlamentares da província de Voivodina.

Também votam hoje os sérvios do Kosovo, tanto nas eleições parlamentares quanto nas locais dos municípios onde são maioria, no norte e em vários enclaves isolados do interior kosovar. EFE Sn/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG