duro revés sofrido nas eleições legislativas." / duro revés sofrido nas eleições legislativas." /

Após derrota, premier japonês diz que vai deixar a presidência de seu partido

TÓQUIO - O primeiro-ministro japonês, Taro Aso, anunciou neste domingo a intenção de renunciar à presidência do Partido Liberal Democrata (PLD, direita), depois do http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2009/08/30/japoneses+elegem+oposicao+e+seu+programa+social+8159925.html target=_topduro revés sofrido nas eleições legislativas.

Redação com agências internacionais |

Questionado por um jornalista da rede de televisão pública NHK sobre uma eventual renúncia, Aso respondeu: "preciso assumir minhas responsabilidades".

Eleições no Japão

"Temos que organizar rapidamente uma eleição para a presidência do partido", prosseguiu, acrescentando: "como simples membro, tenho que lutar pela renovação do PLD".

Três altos dirigentes do partido também anunciaram sua renúncia neste domingo.

"Informamos o presidente do partido, Taro Aso, de nossa intenção de renunciar", declarou o secretário-geral do PLD, Hiroyuki Hosoda, destacando que os outros dois são o presidente do Conselho Geral, Takahashi Sasagawa, e o presidente encarregado da Política e da Pesquisa, Kosuke Hori.


Taro Aso é o atual primeiro-ministro do Japão / Reuters

"Lamento muito", acrescentou Hosoda, número dois do partido conservador que dominou o Japão praticamente sem interrupção nos 54 últimos anos.

Leia mais sobre:  Japão

    Leia tudo sobre: eleiçõesjapão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG