Após derrota em conflito com a Rússia, Geórgia troca chefe das Forças Armadas

Tbilisi, 4 nov (EFE).- O presidente da Geórgia, Mikhail Saakashvili, substituiu hoje o chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, o mais alto posto militar no país, por conta do conflito travado com a Rússia em agosto.

EFE |

Em substituição a Zaza Gogava, que desempenhava as funções desde 2006, Saakashvili nomeou para o cargo Vladimir Chachibaya, informou a imprensa local, que exibiu imagens da reunião do presidente com o Estado-Maior do Exército e o Ministério da Defesa.

"Esta decisão foi tomada em razão dos fatos de agosto e em comum acordo com o presidente da comissão parlamentar que investiga as causas dessa agressão, Paata Davitaya", disse o chefe de Estado georgiano.

Saakashvli agradeceu Gogava por seu "profissionalismo", mas ressaltou que "agora é preciso eliminar as falhas" na cadeia de comando e no funcionamento do Exército, "evidenciadas com os fatos de agosto", quando as tropas georgianas saíram derrotadas do conflito com os russos.

"O inimigo invadiu nossa casa, ocupou duas localidades e as acondiciona a seu gosto. Dizem que os hóspedes nos são enviados por Deus, mas não hóspedes como estes. Por isso, devemos nos fortalecer e recuperar o que é nosso", disse sobre a invasão russa.

O presidente da Geórgia se referiu assim às regiões da Abkházia e da Ossétia do Sul, cujas ambições separatistas foram militarmente apoiadas por Moscou, que depois reconheceu a independência das duas províncias e agora se prepara para instalar bases militares nelas.

"Os resultados do conflito com a Rússia, o andamento dos combates, sua análise e o trabalho da comissão parlamentar nos obrigam a tirar conclusões e a corrigir os erros", ressaltou.

Saakashvli acrescentou que o mais urgente é "modernizar as Forças Armadas e dar mais atenção à formação de pessoal", para o que seria preciso "enviar os oficiais para os melhores centros de estudo no exterior e preparar os sargentos na Geórgia". EFE mv/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG