Após decreto de austeridade de Chávez, deputados venezuelanos divulgarão salários

A presidente do parlamento da Venezuela, Cilia Flores, anunciou nesta quinta-feira a decisão de divulgar o valor pago aos deputados, após intensas críticas contra seus supostos altos salários provocadas pelo decreto de austeridade promulgado na quarta-feira pelo presidente Hugo Chávez.

AFP |

"Temos moral para mostrar nossos contracheques sem que haja a necessidade de procurá-los através de mecanismos fraudulentos", disse Flores, depois que a emissora Globovisión indicou que apresentaria recibos dos altos salários pagos aos parlamentares.

Segundo Flores, os deputados recebem um salário básico de 4.506 bolívares fortes (2.095,8 dólares), que aumenta de acordo com os bônus concedidos em épocas especiais, como o Natal, e a necessidade de auxílio-transporte, dado a parlamentares que moram em outras cidades e precisam ir a Caracas toda semana.

"Não temos nada a esconder", insistiu a presidente do parlamento, destacando que o salário dos deputados venezuelanos está abaixo da média paga em outros países.

mdp/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG