Após cirurgia no pulso, papa deve ter alta nesta sexta-feira

AOSTA - Foi concluída a cirurgia no pulso direito do papa Bento 16, que na madrugada desta sexta-feira sofreu uma queda na residência em que está hospedado em Les Combes, região do Vale de Aosta, noroeste da Itália.

Redação com Agência Ansa |

AP
Polícia monta guarda no hospital de Aosta, onde o papa foi hospitalizado

Polícia monta guarda no hospital de Aosta, onde o papa foi operado

"Tudo correu bem", afirmou o presidente da região autônoma do Vale de Aosta, Augusto Rollandin. Segundo ele, o papa deverá retornar a Les Combes após ter alta, o que deve ocorrer ainda nesta sexta-feira.

Bento 16 foi levado ao hospital Umberto Parini, na cidade de Aosta, às 9h45 locais (5h45 em Brasília), após rezar a missa e tomar café da manhã. Ele chegou ao centro médico caminhando.

O porta-voz da Santa Sé, padre Federico Lombardi, já havia assegurado que o acidente não fora grave e disse esperar que o papa possa seguir descansando em Les Combes, onde deve permanecer até o dia 29.

A cirurgia foi realizada com anestesia local e conduzida pelo ortopedista Manuel Mancini e pelo especialista em anestesia e reanimação Enrico Visetti. Antes da cirurgia, o Papa fez um check-up completo, e os exames não apontaram nenhum problema de saúde, segundo fontes médicas.

Leia mais sobre papa

    Leia tudo sobre: bento 16cirurgiapapa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG