Washington, 12 fev (EFE).- O ex-presidente dos Estados Unidos Bill Clinton deixou na manhã de hoje o hospital de Nova York onde, na quinta-feira, passou por uma cirurgia de cerca de uma hora no coração.

A informação foi dada pelo ex-presidente do Comitê Nacional Democrata Terry McAuliffe, em declarações ao programa "The Early Show", do canal "CBS".

Segundo ele, Clinton, de 63 anos, já foi para casa em Chappaqua, a cerca de 60 quilômetros da cidade de Nova York.

Os médicos do Hospital Presbiteriano de Nova York, para onde Clinton foi ontem depois de sentir um mal-estar, disseram que o ex-presidente está em boas condições e pode voltar ao trabalho na segunda-feira.

Os médicos fizeram em Clinton uma angiosplatia, um procedimento em que é introduzido um pequeno tubo metálico na artéria coronária obstruída. O ex-presidente já havia passado por outra operação, em 2004, também no coração.

A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, viajou de Washington para Nova York depois de saber da hospitalização do marido, que reclamava de dores no peito. EFE jab/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.