Após 11 dias em cativeiro, irmão de zagueiro da seleção nigeriana é libertado

Lagos, 17 jul (EFE).- Um dos irmãos de Joseph Yobo, zagueiro da seleção nigeriana de futebol e do time inglês Everton, foi libertado por um grupo de homens armados que o havia seqüestrado no último dia 5, em Port Harcourt, capital do estado de Rivers, na região petrolífera do sul da Nigéria, disse hoje a porta-voz da Polícia Rita Abbey.

EFE |

"Não foi pago resgate algum pela libertação de Nornu Yobo, seqüestrado quando voltava para casa de uma casa noturna de Port Harcourt", disse Abbey, segundo quem os seqüestradores tinham pedido 200 milhões de nairas (US$ 1,6 milhão), a moeda nigeriana, pela libertação do refém.

A Polícia não descarta que Nornu tenha sido seqüestrado devido à popularidade de seu irmão.

Outro membro da família, Albert Michael Yobo, disse aos jornalistas que Nornu foi libertado ontem, por volta do meio-dia, em uma localidade não especificada.

"Nornu está muito traumatizado com esta experiência", disse Albert Michael. EFE da/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG