Anúncio saudita não impede novo recorde do petróleo

O anúncio feito pelo governo da Arábia Saudita de que aumentará a produção de petróleo em julho não conseguiu impedir o preço do produto de alcançar um novo recorde nesta segunda-feira. No mercado futuro de Nova York, o barril do tipo leve chegou a ser negociado a US$ 139,89, superando o recorde anterior de US$ 139,12, alcançado em 6 de junho.

BBC Brasil |

A Arábia Saudita, que é o maior produtor de petróleo do mundo, anunciou no domingo que vai aumentar a produção em 200 mil barris por dia no mês que vem em uma tentativa de frear os preços no mercado internacional.

Com isso, a produção do país terá subido desde maio em 500 mil barris por dia, ou 6%, e atingirá o maior nível desde agosto de 1981.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG