O presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, o mais próximo aliado do presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, pediu o fim da intimidação e da violência política no país vizinho. Numa carta enviada a Mugabe e citada pela Rádio Nacional de Angola, Santos pediu ao presidente do Zimbábue que observe um espírito de tolerância e respeito às regras democráticas.

Observadores dizem que o pedido marca uma mudança considerável na posição de Angola - tropas dos dois países lutaram lado a lado em guerras no Congo e Angola tem sido um aliado tradicional do partido Zanu-PF, que governa o Zimbábue.

Em meados desta semana vários outros líderes africanos fizeram declarações semelhantes.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.