Angola cria comissão para eventual foco de gripe suína

Luanda, 30 Abr (EFE).- O presidente da Angola, José Eduardo dos Santos, criou hoje por decreto uma comissão interministerial encarregada de adotar medidas de segurança e vigilância epidemiológica para poder controlar um eventual foco de gripe suína no país.

EFE |

Segundo um comunicado da Presidência angolana, as medidas de controle, estabelecidas de acordo com as normas sanitárias internacionais, serão adotadas em todos os postos fronteiriços terrestres, assim como em portos e aeroportos, a fim de detectar, isolar e evitar que pessoas suspeitas de ter a doença entrem no país.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) elevou o nível de alerta pandêmico pela gripe suína ao nível cinco, de uma escala até seis, diante da expansão do vírus, que já afeta pelo menos a dez países.

De acordo com os mais recentes dados disponíveis, o número confirmado de pessoas infectadas com a gripe suína no México, país onde começou o foco, é de 99, das quais oito morreram. EFE ms/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG