Anglicanos se reúnem em Jerusalém para se defenderem frente a renovadores

Jerusalém, 23 jun (EFE).- Um grupo de cerca de trezentos bispos e clérigos conservadores anglicanos se reuniu em Jerusalém para defender suas tese frente a correntes renovadoras que aceitam o homossexualismo e o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

EFE |

Os religiosos saíram de mais de 25 países para participar da chamada Conferência sobre o Futuro da Igreja Anglicana.

Na reunião, os anglicanos aspiram coordenar posições e recursos para fazer frente ao que consideram um "distanciamento" dos valores originais do mestre, que aparecem no Velho e no Novo Testamento.

"Há algumas correntes que falam de cisma em nossa Igreja, inclusive a liderança conservadora assim acredita, mas o certo é que é constituída por grupos muito diversos, que não conseguem dirigir uma mensagem unida", explicou à Agência Efe o porta-voz da conferência, Matthew Davis.

"O objetivo desta conferência é reunir pessoas de todo o mundo para analisar as questões que estão dividindo a Igreja neste momento e uma das principais é a sexualidade", disse Davis O encontro de Jerusalém se transformou em um símbolo da divisão que aflige à Igreja Anglicana depois que, em 2003, o homossexual Gene Robinson foi nomeado bispo de New Hampshire, nos Estados Unidos. EFE elb/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG