Los Angeles (EUA), 16 out (EFE) - A atriz americana Angelina Jolie não descarta adotar outra criança, que se tornaria seu sétimo filho com seu companheiro, Brad Pitt. Sim, tenho algo em mente, disse a atriz, de 33 anos, no programa Today Show, da emissora NBC, quando perguntada pelo apresentador Matt Lauer sobre a possibilidade de aumentar a prole com outra adoção. Angelina, que teve os gêmeos Vivienne Marcheline e Knox Leon em 12 de julho em uma clínica de Nice (França), tem outra filha biológica com Pitt, Shiloh Nouvel Jolie-Pitt, nascida em 2006 na Namíbia. O casal também tem outros três filhos adotivos: Maddox, de 6 anos e do Camboja; Zahara, de 3 anos e da Etiópia; e Pax, de 4 anos e do Vietnã. Temos tantos crianças que elas já não se surpreendem quando chegam outras à casa, disse a atriz, que não especificou quando pode iniciar o próximo processo de adoção. Sequer é possível começar o processo até que a criança tenha seis meses (...

), acho que é uma coisa inteligente, entender qual momento é ideal para trazer outra criança", acrescentou Angelina, que participa do novo trabalho do diretor de Clint Eastwood, "Changeling".

Durante a entrevista, a estrela falou sobre seu amor por Brad Pitt.

"Conheci a pessoa certa", ressaltou. "Não gosto de ficar sem ele, não gosto de ficar sozinha, como antes", disse. EFE mg/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.