Angela Merkel é a mulher mais poderosa do mundo pelo terceiro ano consecutivo (Forbes)

A chanceler alemã Angela Merkel se mantém pelo terceiro ano consecutivo como a mulher mais poderosa do mundo, segundo o ranking anual divulgado nesta quarta-feira pela revista americana Forbes.

AFP |

A secretária de Estado norte-americana Condoleezza Rice caiu do 4ª posição em 2007 para a 7ª em 2008, e a senadora democrata Hillary Clinton, candidata derrotada à indicação de seu partido à eleição presidencial americana, passou da 25ª para a 28ª posição, segundo o comunicado da Forbes.

A lista completa das 100 "poderosas" foi divulgada esta noite às 19h00 de Brasília.

A número dois não é muito conhecida do grande público, trata-se de Sheila Bair, presidente da FDIC (Federal Deposit Insurance Corporation), uma das autoridades de regulação do setor bancário nos Estados Unidos, que anuncia principalmente as falências bancárias e apresenta comunicados aguardados com ansiedade.

A presidente argentina Cristina Kirchner ocupa a 13ª colocação.

Entre as que estavam na lista em 2007 e saíram em 2008 estão Zoe Cruz, ex-presidente do poderoso banco de negócios Morgan Stanley, um pouco enfraquecida mas que ainda é um dos principais nomes das finanças americanas, e o de Patricia Russo, diretora geral da empresa de telecomunicações francesa Alcatel Lucent, apelidada de "Camicase Pat", que deve deixar a companhia no final do ano.

A lista está composta por 23 políticas, 54 dirigentes de empresas e de algumas mulheres poderosas do showbiz ou de organizações sem fins lucrativos, resume a Forbes.

Das mulheres presentes no ranking, 45% são de fora dos Estados Unidos, e um terço apareceu pela primeira vez, segundo o comunicado.

Leia mais sobre Angela Merkel

    Leia tudo sobre: alemanhaangela merkel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG