Os três americanos resgatados junto com outros 12 reféns das Farc nesta quarta-feira no sudeste da Colômbia já estão voando para os Estados Unidos para se encontrarem com a família, afirmou o ministro da Defesa, Juan Manuel Santos.

Ele informou que Thomas Howes, Marc Gonsalves e Keith Stansell, que haviam caído nas mãos da guerrilha em fevereiro de 2003, pegaram um avião especial para serem levados a seu país.

O ministro explicou, assim, a ausência dos americanos na cerimônia em que os resgatados foram recebidos na base militar de Catam no oeste de Bogotá.

Em 2003, os três americanos foram capturados quando participavam de uma operação contra as drogas para o Departamento de Defesa dos Estados Unidos para o qual trabalhavam como terceirizados, dentro do Plano Colômbia: o avião em que viajavam havia caído nas selvas de Caquetá (sudeste).

O presidente George W. Bush agradeceu por telefone ao colega Alvaro Uribe pela operação.

hov/fj/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.