Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Americanos registram primeiro furacão da temporada atlântica

Miami - A tempestade tropical Bertha se transformou hoje no primeiro furacão da temporada atlântica, ao aumentar seus ventos para 120 km/h, o que a transforma em um ciclone de categoria 1 na escala de intensidade Saffir-Simpson.

EFE |

Os meteorologistas do Centro Nacional de Furacões (NHC, em inglês) dos Estados Unidos informaram no boletim das 6h (horário de Brasília) de hoje que "ainda é muito cedo para determinar se 'Bertha' atingirá regiões" povoadas ou tocará a terra.

Uma tempestade tropical se transforma em ciclone quando seus ventos máximos sustentados alcançam 119 km/h.

AP
Tempestade tropical se transformou em primeiro furacão do ano

O NHC, com sede em Miami, destacou que o centro do ciclone estava perto da latitude 19,3 graus norte e da longitude 50,2 graus oeste, a aproximadamente 1.365 quilômetros ao leste das ilhas de sotavento do norte do Oceano Atlântico.

O ciclone está se deslocando no sentido oeste-noroeste a cerca de 28 km/h e "espera-se uma gradual diminuição da intensidade de seus ventos de translação durante os próximos dias", enquanto "Bertha" permanece sobre as águas do Atlântico.

"Bertha" apresenta ventos de 120 quilômetros por hora, com rajadas mais fortes, e está previsto algum "aumento de sua intensidade nas próximas 24 ou 48 horas".

Nesta temporada de furacões, que começou em 1º de junho e termina em 30 de novembro, já se formaram duas tempestades tropicais, "Arthur" e "Bertha".

Os meteorologistas prevêem que a temporada de 2008 será "ligeiramente mais ativa" do que o normal, com a formação de seis a nove furacões e de 12 a 16 tempestades tropicais.

Leia mais sobre: furacão

Leia tudo sobre: furacão

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG