Americano quebra recorde mundial ao comer 68 cachorros-quentes

Washington, 4 jul (EFE).- Um jovem americano de 25 anos bateu hoje o recorde mundial ao comer 68 cachorros-quentes no concurso anual Nathans Hot Dog Eating, realizado em Nova York dentro das celebrações do 4 de julho, Dia da Independência do país.

EFE |

A façanha de Joey Chesnut, que comeu os cachorros-quentes em dez minutos, o fez revalidar seu título pelo terceiro ano seguido e, além de bater o recorde mundial, levar para casa um prêmio de US$ 20 mil.

Chesnut, natural da Califórnia, venceu o principal rival, o japonês Takeru Kobayashi, que já tinha conquistado seis edições do concurso.

Ambos disputaram o título no ano passado em um duelo final de cinco cachorros-quentes extras, ao ficarem empatados após comerem 59 sanduíches em dez minutos.

Este ano, o californiano liderou desde o princípio e só nos dois primeiros minutos engoliu 23 cachorros-quentes.

"Depois do segundo minuto sabia que meu corpo estava ajudando", disse Chesnut à imprensa após o concurso.

O Nathan's Hot Dog Eating se tornou uma tradição a mais entre as celebrações do Dia da Independência americano e é transmitido pelo canal de televisão especializado em esportes "ESPN". EFE elv/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG