Americano é ferido em ataque xenófobo no Egito

Cairo, 27 fev (EFE).- Um professor americano que vive no Egito foi ferido com uma facada no rosto durante um ataque xenófobo causado por um garçom na cidade do Cairo.

EFE |

Segundo fontes dos serviços de segurança do Egito, o autor do ataque, identificado como Albdelraman Saleh Taher Mohamed, de 46 anos, afirmou que tinha esfaqueado o professor americano porque "odeia os Estados Unidos".

A Polícia disse à Agência Efe que o incidente ocorreu no popular mercado turístico de Jan al-Jalili, no centro do Cairo, que foi alvo de um atentado no fim de semana passado matou uma pessoa e deixou 24 feridos.

O americano ferido trabalha como professor no Colégio Americano da cidade litorânea de Alexandria.

Ele Foi atacado quando fazia um passeio turístico junto com sua família pelo centro do Cairo. EFE ta-ag/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG