Uma americana sobreviveu depois que um galho de árvore atravessou seu pescoço quando ela fazia um passeio de carro com a janela aberta perto de um rio, no norte do Estado de Idaho.

No último dia 5 de setembro, Michelle Childers, de 20 anos, e seu marido, Daniel, de 22, estavam em uma picape nas imediações de um bosque à beira do rio Lochsa quando chegaram a uma estrada sem saída.

Segundo ela, foi enquanto o marido dirigia de volta dessa estrada que ela sentiu repentinamente uma "pressão estranha" no pescoço e no ombro.

"Daniel entrou em pânico, e eu perguntava: 'O que aconteceu? Onde está?', e ele disse: 'No seu pescoço'", contou Michelle ao canal de televisão local KHQ, afiliada da rede NBC. Ela diz não saber como o acidente ocorreu.

'Milagre'

A jovem disse ter começado a "rezar por um milagre" enquanto o marido procurava um lugar onde eu pudesse ser vista por um médico.

Mas só uma hora depois do acidente é que eles encontraram um hotel, na fronteira entre os Estados de Idaho e Montana, onde Daniel pediu para usar um telefone e pedir socorro.

Uma enfermeira que estava de folga e hospedada no hotel conseguiu acionar um helicóptero de emergência, enquanto tentava acalmar Michelle, que seguia com o galho de cerca de 30 cm em seu pescoço.

"Alguma coisa nela e em seu marido conseguiu me fazer acreditar que eu realmente ficaria bem. Eu acreditei nela quando ela disse isso", contou.

Após dar entrada no Hospital St. Patrick, na cidade de Missoula, Michelle foi submetida a uma cirurgia de seis horas para remover o galho. Ela agora está se recuperando em casa.

Leia mais sobre acidente

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.