Alta de preços de alimentos é novo pano de fundo para negociações na OMC

Genebra, 25 abr (EFE) - A secretária de Estado para o Comércio Exterior francesa, Anne-Marie Idrac, disse hoje que o aumento do preço dos alimentos no mercado internacional é um novo cenário de fundo para as negociações na Organização Mundial do Comércio (OMC), voltadas a liberalizar o comércio mundial. Idrac reconheceu, no entanto, que, apesar de sua importância, este tema ainda não faz parte da agenda de negociações. Desde o início das conversas da Rodada do Desenvolvimento de Doha (2001), muitas coisas mudaram. O comércio internacional aumentou de maneira significante, os países emergentes se tornaram mais fortes e agora temos esta questão dos preços dos alimentos, disse.

EFE |

Esses fatos criaram um "novo contexto econômico, social e político", no qual "a opinião pública se questiona como as negociações para uma maior abertura de mercados poderá contribuir para resolver o problema da segurança alimentar", acrescentou.

Idrac se reuniu hoje em Genebra com alguns dos responsáveis pelas negociações, incluindo o diretor-geral da OMC, Pascal Lamy.

Sobre a Rodada de Doha, que se encontra estagnada há mais de dois anos e com poucas possibilidades de ser reativada, a secretária de Estado disse que a França espera um resultado final "completo, ambicioso e equilibrado" em todas as áreas em discussão.

Trata-se de agricultura, acesso a mercados para produtos industriais, serviços e proteção das indicações geográficas, principalmente.

Essa posição, afirmou, coincide com a expressada publicamente pela União Européia (UE).

Idrac afirmou que, antes de assumir posições mais concretas, os negociadores franceses esperam as propostas que, em breve, os responsáveis das negociações nas áreas de agricultura e produtos industriais deverão apresentar.

Espera-se que esses textos sejam uma revisão dos apresentados desde o início do ano e que não conseguiram o respaldo dos países.

EFE is/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG