Al-Qaeda volta a ameaçar Alemanha em segundo vídeo na internet

BERLIM - Militantes do grupo Al-Qaeda ameaçaram a Alemanha com ataques pela segunda vez neste fim de semana em um vídeo on-line criticando o país pela presença de suas tropas no Afeganistão, disseram autoridades neste domingo. O Ministério do Interior alemão identificou o mensageiro da Al-Qaeda no último vídeo como Bekkay Harrach, um cidadão alemão-marroquino que também apareceu em um outro vídeo na sexta-feira advertindo que a Alemanha enfrentaria um duro despertar se o país não terminasse com sua guerra no Afeganistão.

Reuters |

Imagens de televisão mostraram Harrach, que tem 32 anos de acordo com a imprensa alemã, usando uma máscara no último vídeo.

No segundo vídeo, Harrach aparece de barba feita e vestindo terno e gravata. Ele endereça a gravação à chanceler alemã, Angela Merkel, ameaçando a Alemanha com novos ataques após as eleições de 27 de setembro no país.

"Em uma democracia, apenas as pessoas podem pedir que seus soldados voltem para casa", disse Harrach em alemão no primeiro vídeo.

"Se o povo alemão decidir pela continuação da guerra, então, terá passado pelo próprio julgamento e mostrado ao mundo inteiro que em uma democracia, civis não são tão inocentes depois de tudo."

A Alemanha intensificou a segurança em aeroportos e estações de trem neste fim de semana devido ao grande risco de ataques.

Leia mais sobre: Al-Qaeda

    Leia tudo sobre: al-qaeda

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG