Tóquio, 11 set (EFE).- As autoridades japonesas cancelaram o alerta de tsunami emitido após o terremoto de sete graus na escala aberta de Richter, que sacudiu hoje a ilha japonesa de Hokkaido (norte do Japão), sem que se tenha informado de danos.

O forte terremoto, registrado às 9h21 (21h21 de Brasília) e que teve seu epicentro a 20 quilômetros de profundidade, provocou a emissão de um alerta de tsunami no litoral do Pacífico em Hokkaido, Iwate e Aomori, por causa da possibilidade de ondas de até 50 centímetros de altura, segundo a Agência Meteorológica do Japão.

O terremoto, que durou 30 segundos, atingiu nas localidades de Tokachi e Hidaka o nível cinco da escala fechada japonesa de sete, que se centra nas regiões afetadas mais do que na intensidade do tremor.

A imprensa japonesa não informou sobre danos até o momento e a rede de televisão "NHK" disse que só chegaram à costa ondas de dez centímetros de altura.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.