Berlim, 15 dez (EFE).- Um alemão deverá ser indenizado com 4 mil euros depois que, após uma operação de joelho, descobrissem um arame de 15 centímetros esquecido nas suas costas.

Assim foi determinado hoje pelo Tribunal Territorial de Zweibrucken, na Alemanha, depois que o Tribunal Provincial de Kaiserslautern desprezasse a reivindicação do homem por considerar "improvável" que o arame tenha se deslocado do joelho até as suas costas.

O arame, de 1,2 milímetro de espessura, fazia parte do instrumento empregado na operação no joelho à qual o paciente tinha se submetido. O item é geralmente utilizado para estabilizar fragmentos de osso.

A sentença determina que o hospital pague a compensação econômica, e não o médico que praticou a operação, como reivindicava o paciente. EFE nvm/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.