Alemanha rejeita sanções à Rússia por conflito com a Geórgia

Berlim, 29 ago (EFE).- O ministro de Exteriores alemão, Frank Walter Steinmeier, rejeitou a possibilidade de ditar sanções contra a Rússia como meio de pressão por causa do conflito com a Geórgia.

EFE |

"Gostaria que alguém me explicasse o que seria uma sanção para a Rússia", disse Steinmeier em entrevista publicada hoje pelo jornal "Frankfurter Allgemeinen Zeitung", nas quais adverte que o Ocidente não deve suspender seu diálogo com Moscou.

O chefe da diplomacia alemã ressalta que "nesta complicada situação política, é preciso manter o bom senso".

"A Rússia continuará sendo nosso vizinho e é necessário, para nosso próprio interesse, retornar as relações de maneira normal", afirmou.

Steinmeier reage desta maneira à possibilidade de que membros da União Européia (UE) optem por exigir sanções contra Moscou como maneira de pressionar as autoridades russas.

O jornal polonês "Dziennik" assinala hoje que o presidente da Polônia, Lech Kazcynski, vai propor sanções contra a Rússia pelo conflito com a Geórgia. EFE jcb/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG