Berlim, 7 jan (EFE).- O ministro da Defesa da Alemanha, Franz Josef Jung, propôs que os piratas que eventualmente capturem militares alemães sejam apresentados perante um tribunal internacional.

"Para isso será necessário criar um parâmetro legal", disse Jung em declarações publicadas hoje pelo jornal alemão "Ruhr Nachrichten".

O ministro alemão ressalta que não podem ficar impunes os atos de pirataria, que acontecem fundamentalmente perante as costas da Somália.

A participação da Marinha alemã na operação internacional contra a pirataria em águas do oceano Índico foi criticada, já que, em sua primeira missão, os militares do país desarmaram um grupo de piratas, mas posteriormente acabaram os libertando. EFE jcb/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.