O ministro alemão das Relações Exteriores, Frank-Walter Steinmeier, disse estar muito preocupado com o recrudescimento da violência no Oriente Médio, em nota divulgada neste sábado.

"Eu estou muito preocupado com a escalada da violência no Oriente Médio. O governo alemão não entende a interrupção unilateral do cessar-fogo pelo Hamas", disse o ministro, no comunicado.

Israel lançou neste sábado maciços ataques aéreos contra o Hamas, na Faixa de Gaza, matando mais de 200 palestinos, em represália aos lançamentos de foguetes por parte dos islamitas contra seu território.

"O Hamas deve imediata e duradouramente pôr fim aos lançamentos de foguetes contra Israel", acrescentou Steinmeier.

O ministro alemão afirmou ainda que "respeitamos o direito legítimo de Israel de se defender", mas fez um apelo a esse país para que "retenha suas ações militares e evite vítimas civis".

"É preciso garantir, com urgência, ajuda humanitária à população da Faixa de Gaza", destacou o ministro, que criticou a atitude do Hamas, em entrevista ao jornal dominical "Bild am Sonntag".

"O Hamas faz um jogo cínico com as pessoas que ele pretende ter sob sua responsabilidade", afirmou.

gsw/nh/tt

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.