Alemanha condena ex-oficial nazista

Um tribunal alemão condenou nesta terça-feira à prisão perpétua, por um massacre de civis na Toscana (Itália) em 1944, o ex-oficial nazista Josef Scheungraber, de 91 anos, que vivia tranquilamente na Baviera.

AFP |

"Josef Scheungraber foi o único oficial da companhia que em 26 de junho de 1944 matou 14 civis em Folzano di Cortonna, em represália a um ataque dos partisans", destacou o presidente do tribunal de Munique.

Scheungraber foi considerado culpado pela morte de 10 deles, segundo o magistrado.

O ex-oficial nazista, que aparenta boa saúde, ouviu a sentença vestido com o tradicional paletó bávaro.

O réu rejeitou as acusações apresentadas contra ele durante os 11 meses de julgamento, alegando que entregou os civis à polícia militar e que não sabia o que aconteceu depois.

fbe/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG