passo necessário - Mundo - iG" /

Alemanha afirma que troca entre Israel e Hisbolá é passo necessário

Berlim, 16 jul (EFE).- O Governo alemão chamou hoje de passo necessário a troca de presos e restos mortais realizada entre Israel e Hisbolá e destacou o papel desempenhado na mediação por um agente do Serviço Federal de Inteligência Alemão (BND, na sigla em alemão).

EFE |

A troca era necessária "do ponto de vista político e humanitário", afirmou o vice-porta-voz do Governo, Thomas Steg, que expressou as mais "profundas condolências" aos familiares dos soldados israelenses cujos restos mortais foram entregues na operação.

Steg também confirmou a intervenção nas negociações entre a guerrilha libanesa e Israel de um agente do BND e disse que o serviço secreto alemão tem "um alto nível de confiança" na região.

Segundo a fonte, a intervenção do agente é "uma pequena contribuição" pela parte alemã "em prol de uma evolução positiva" no conflito do Oriente Médio.

Segundo informações da Chancelaria, o agente trabalhou na operação e negociou entre as duas partes durante mais de 18 meses.

Neste período acumulou mais de 700 mil quilômetros de vôo entre a sede da ONU (Nova York), Tel Aviv, Beirute e algumas capitais européias.

As fontes governamentais não informaram a identidade do mediador, embora a imprensa alemã o reconheça como Gerhard Conrad, agente do BND que já participou de uma troca anterior, em 2004.

O Hisbolá entregou hoje a Israel os restos mortais de Ehud Goldwasser e Eldad Regev, em troca de cinco presos e dos restos mortais de 199 milicianos na fronteira entre Líbano e Israel sob a mediação da Cruz Vermelha Internacional. EFE gc/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG