Tamanho do texto

Vinte e sete crianças de uma escola japonesa em Düsseldorf (oeste da Alemanha) foram contaminadas pelo vírus da gripe suína, indicaram nesta quinta-feira autoridades locais.

Além disso, quatro casos foram confirmados hoje entre soldados americanos atendidos em um hospital militar americano de Landstuhl (oeste), segundo comunicado do Comando regional médico Europa.

Isto eleva a seis o número de soldados com a gripe suína em Landstuhl, o maior hospital militar americano na Europa. Os seis estão na mesma ala do hospital.

Em Düsseldorf, 26 crianças da escola japonesa deram positivo nos testes do novo vírus da gripe A H1 N1, segundo a prefeitura, que indicou ainda que a doença já havia sido identificada segunda-feira em um aluno desta escola, mas de outra classe.

O estabelecimento foi fechado.

"As famílias envolvidas foram colocadas em quarentena, e os serviços de saúde os informaram sobre as medidas a serem adotadas", comunicou a prefeitura.

bur-fc/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.