Ala Micaela volta a treinar com seleção de basquete em Pequim

Redação Central, 3 ago (EFE). - A seleção brasileira de basquete feminino realizou neste domingo o seu primeiro treino no Ginásio Olímpico da capital chinesa, palco da disputa nos Jogos de Pequim, e pôde contar com o retorno da ala Micaela após lesão.

EFE |

A jogadora participou de sua primeira atividade inteira após a recuperação de um estiramento na coxa e garantiu que estará na estréia do Brasil no grupo A, contra a Coréia do Sul, no dia 9 de agosto, às 5h45 de Brasília.

"Estou bem. Dia nove estarei pronta pra jogar. No cinco contra cinco, pensei que o mais importante era correr bem. E corri. Agora preciso treinar arremesso. E vai contar muito o esforço psicológico para mim. Mas posso dizer que estou 70%", disse a ala ao site do Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

Já a armadora Adrianinha aproveitou a atividade para tirar fotos do palco das partidas em Pequim e elogiou as instalações.

"É muito bonito, um dos melhores ginásios do mundo. E vir aqui o quanto antes é bom para o reconhecimento", afirmou.

Por sua vez, a pivô Kelly disse que em ginásios grandes como o de Pequim, é preciso ter o maior contato possível antes da competição.

"Em ginásios grandes, normalmente se perde um pouco a referência para passes e arremessos de longa distância. É preciso um bom tempo para se encontrar", explicou.

A única baixa no treino de hoje foi a ala Chuca, que teve uma indisposição. No entanto, Carlos Eduardo Marques, médico da seleção, garantiu que não se trata de um problema grave.

"Ela já saiu da Vila se sentindo mal, com um quadro de náusea, por conta de uma indisposição alimentar. Mas foi medicada e está tudo bem", afirmou.

O Brasil está no grupo A dos Jogos e, além da Coréia do Sul, vai encarar Austrália, Rússia, Belarus e Letônia. EFE plc/rd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG