BAMAKO (Reuters) - O braço norte-africano da Al Qaeda libertou o refém francês Pierre Camatte, informou o governo de Mali nesta terça-feira. Confirmamos a libertação de Pierre Camatte, afirmou à rádio estatal o porta-voz da Presidência, Seydou Cissouma.

Ele disse que Camatte, sequestrado no país em novembro, já estava com as autoridades malinesas.

Sua libertação acontece depois que quatro prisioneiros islâmicos foram soltos por Mali na semana passada, quando a Al Qaeda ameaçou matar Camatte, a menos que os militantes fossem liberados.

(Reportagem de Tiemoko Diallo)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.