AIEA diz que Irã não coopera na questão nuclear

As investigações sobre as atividades nucleares do Irã estão em ponto morto por falta de cooperação deste país, revelou nesta quarta-feira a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA).

AFP |

Teerã prossegue ignorando as determinações do Conselho de Segurança da ONU para deter suas atividades de enriquecimento de urânio e segue bloqueando qualquer investigação sobre um eventual uso militar de seu programa nuclear, destaca o relatório da AIEA, apresentado em Viena.

O organismo destaca que "lamentavelmente, devido à falta de cooperação do Irã (...), a Agência não tem podido progredir significativamente" no expediente nuclear deste país.

No relatório, a AIEA diz que não duvida do prosseguimento das atividades de enriquecimento de urânio por parte de Teerã.

"Contrariando as decisões do Conselho de Segurança, o Irã não suspendeu suas atividades ligadas ao enriquecimento e continua (...) instalando novas cascatas (de centrífugas de enriquecimento) e testando centrífugas de nova geração".

Segundo fontes ligadas à AIEA, o Irã tinha 3.800 centrífugas em 7 de novembro passado e se preparava para ativar outras 2.000.

Após a divulgação do relatório, a Casa Branca acusou Teerã de rejeitar as negociações com os Estados Unidos e a cooperação com a comunidade internacional, para prosseguir com suas atividades de enriquecimento de urânio.

"A rejeição do governo iraquiano em cumprir com as exigências da AIEA e das Nações Unidas é lamentável e decepcionante", disse o porta-voz da Casa Branca, Gordon Johndroe.

lal/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG