AIEA confirma acesso à instalação nuclear na Coréia do Norte

Viena, 13 out (EFE).- A Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) confirmou hoje que as autoridades da Coréia do Norte voltaram a permitir o acesso dos inspetores internacionais às instalações da usina nuclear de Yongbyon, revogando as proibições vigentes nas últimas semanas.

EFE |

A porta-voz da AIEA, Melissa Fleming, disse em comunicado que o Governo de Pyongyang "autorizou hoje ao organismo o acesso" às várias zonas do complexo nuclear, incluindo a usina de processamento de plutônio.

A entrada nessa zona já tinha sido vetada para inspetores internacionais há duas semanas, enquanto o fechamento do resto das instalações havia sido anunciado na quinta-feira passada.

Dessa forma, os técnicos da AIEA poderão "implementar de novo as medidas de contenção e vigilância" nesta instalação de produção de combustível nuclear.

Com essas medidas, o regime comunista parece frear sua decisão de retomar seu programa nuclear, depois que em 24 de setembro eliminasse os lacres colocados pela AIEA e anunciasse que começaria a introduzir combustível nuclear em sua usina de produção de plutônio.

A AIEA disse hoje que ainda não foi informada com detalhes sobre o acordo entre Casa Branca e Pyongyang para reativar os trabalhos de controle internacional e desmantelação do programa atômico norte-coreano. EFE as/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG