Viena, 1 ago (EFE).- O Conselho de Governadores da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) deu hoje sinal verde ao acordo nuclear por meio do qual os Estados Unidos concederão tecnologia e combustível nuclear para a Índia em troca de o país asiático permitir que os inspetores internacionais supervisionem suas instalações atômicas civis.

Os 35 membros do corpo executivo da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) aprovaram por consenso o documento sobre os chamados acordos de salvaguardas, que autorizam a inspeção de 14 reatores atômicos indianos, com o objetivo de evitar o desvio de componentes do programa nuclear civil para fins militares.

O acordo, que ainda terá que passar pelo Grupo de Fornecedores Nucleares, é a base do convênio bilateral entre EUA e Índia que ainda terá que ser aprovado pelo Congresso dos EUA.

Apesar de a Índia dispor de arsenal atômico e de não ter assinado o Tratado de Não-Proliferação Nuclear, os EUA decidiram em 2006 promover um pacto que consideram essencial para evitar o desenvolvimento de armas nucleares. EFE as/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.