Ahmadinejad diz que quer ajudar EUA a resolver problemas do mundo

Teerã, 6 fev (EFE).- O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, reiterou hoje que o país está preparado para colaborar com os Estados Unidos a resolver os problemas que afligem o mundo sempre que houver uma mudança de atitude.

EFE |

Em uma audiência concedida à nova embaixadora da Suíça em Teerã, Livia Leu Agosti, cujo país representa os interesses americanos no Irã, o líder iraniano insistiu em que, para que essa aproximação aconteça, antes deve prevalecer "um ambiente de respeito e confiança mútua".

"A República Islâmica do Irã está preparada para dar as boas-vindas a mudanças reais e corretas no seio da nova Administração americana e cooperar para resolver os grandes problemas globais a partir de um ambiente limpo e de respeito mútuo", disse Ahmadinejad, citado pela imprensa local.

Os Estados Unidos e o Irã romperam seus laços diplomáticos em abril de 1980 após o ataque à embaixada americana em Teerã e a vitória da revolução islâmica que depôs o Governo do último Xá da Pérsia, o pró-ocidental Mohammad Reza Pahlevi.

Neste sentido, Ahmadinejad reiterou hoje que "a era dos países que intimidam" passou e que esses Estados, em clara alusão aos EUA, têm "uma oportunidade de ouro para mudar seus comportamentos".

"Hoje, o uso da força é inaceitável nas relações internacionais.

Os poderes arrogantes devem aceitar os direitos e os requerimentos da grande e civilizada nação iraniana", ressaltou o líder.

"Os erros da Administração (dirigida pelo anterior presidente americano, George W.) Bush devem servir de lição", disse. EFE jm/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG