Água ocasionará 6% das mortes no mundo (OMS)

A água salgada causará um décimo das doenças e 6% das mortes no mundo, segundo um estudo da Organização Mundial de Saúde (OMS) que destaca uma forte desigualdade entre países ricos e pobres.

AFP |

Em seu relatório divulgado nesta quinta-feira, a OMS considera que os problemas de água, de saneamento e de higiene são responsáveis por 9,1% das doenças registradas a cada ano no mundo. As crianças são de longe as maiores vítimas, já que 22% das doenças em pessoas de menos de 14 anos estão relacionadas à água.

Se a água está na origem de menos de 1% dos óbitos nos países desenvolvidos, esta proporção atinge 10% nos países em desenvolvimento, com um pico de 24% para Angola. A água é a principal causa de doenças como a malária, a dengue ou a diarréia.

"Nos 35 países mais afetados, mais de 15% das doenças poderiam certamente ser evitadas por uma melhora na qualidade da água, no saneamento e na higiene", declarou à imprensa a autora do relatório, Annette Prüss-Ustün.

Prüss-Ustün encorajou os Estados a investir nessa área, explicando que cada dólar investido geraria oito, graças às economias com tratamento médico e os ganhos de produtividade no trabalho.

A água é responsável por 6,3% das mortes, um índice que varia entre 0,5% para os países desenvolvidos e 8% nos países em desenvolvimento. Entre as crianças, ela é responsável por 25% das mortes.

bar/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG