Agressão contra sérvio provoca protestos no norte do Kosovo

Mitrovica (Kosovo), 31 dez (EFE).- Depois que um jovem sérvio foi supostamente ferido com arma branca por dois albano-kosovares em Mitrovica, no norte do Kosovo, centenas de jovens sérvios saíram às ruas nesta terça-feira para protestar violentamente contra a agressão.

EFE |

Segundo o site da rádio sérvia "B-92", pelo menos uma estabelecimento comercial albanês foi incendiado pelos manifestantes perto da ponte que divide as duas comunidades na localidade. Além disso, vários veículos com placas que identificavam seus proprietários como albano-kosovares foram destruídos.

A parte norte de Mitrovica é majoritariamente habitada por sérvios, enquanto na parte sul da cidade só vivem albano-kosovares.

As autoridades albano-kosovares declararam a independência do Kosovo em fevereiro passado, algo a que a Sérvia se opõe plenamente.

O jovem que foi vítima do primeiro ataque foi levado para um hospital da região e se encontra em estável, com um ferimento de 10 centímetros de profundidade na região lombar.

A rádio "B-92" também disse que foram ouvidos disparos de armas automáticas na cidade, uma das mais problemáticas do Kosovo, já que nela 20 mil sérvios convivem com aproximadamente 40 mil albano-kosovares.

A Polícia multiétnica do Kosovo (KPS) já deteve dois suspeitos da agressão contra o jovem sérvio e um porta-voz da corporação confirmou que ninguém ficou ferido nos incidentes posteriores.

A "B-92" classificou a situação em Mitrovica como "extremamente tensa", embora esta tenha se tranqüilizado quando as tropas da Otan na região (KFOR) aumentaram seu contingente no local. EFE jk/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG