O chargista sueco Lars Vilks, autor de uma caricatura do profeta Maomé com corpo de cão, foi agredido nesta terça-feira quando dava conferência na faculdade de Arte da Universidade de Uppsala, informou a imprensa local." /

O chargista sueco Lars Vilks, autor de uma caricatura do profeta Maomé com corpo de cão, foi agredido nesta terça-feira quando dava conferência na faculdade de Arte da Universidade de Uppsala, informou a imprensa local." /

Agredido na Suécia autor da charge de Maomé

O chargista sueco Lars Vilks, autor de uma caricatura do profeta Maomé com corpo de cão, foi agredido nesta terça-feira quando dava conferência na faculdade de Arte da Universidade de Uppsala, informou a imprensa local.

AFP |

O chargista sueco Lars Vilks, autor de uma caricatura do profeta Maomé com corpo de cão, foi agredido nesta terça-feira quando dava conferência na faculdade de Arte da Universidade de Uppsala, informou a imprensa local.

"O agressor estava sentado na primeira fila, e atirou-se logo sobre mim, dando-me uma cabeçada; cheguei a perder os óculos", contou Vilks à agência sueca TT, assegurando que não foi ferido.

O jornal Nerikes Allehanda publicou a charge de Lars Vilks no dia 18 de agosto de 2007, para ilustrar um editorial sobre a importância da liberdade de expressão, motivando uma grande polêmica na Suécia e no exterior.

Um grupo vinculado à Al-Qaeda ofereceu um prêmio de 100.000 dólares a quem assassinasse o desenhista. Em março passado, a polícia irlandesa anunciou a detenção de sete muçulmanos suspeitos de envolvimento em complô para matar Vilks.

ig/juv/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG