Dois agentes da inteligência francesa foram sequestrados nesta terça-feira em Mogadíscio, onde estavam para participar de treinamentos a convite do ministério da Defesa.

Os dois foram sequestrados no hotel Sahafi, na zona sul de Mogadíscio, por vários milicianos que desarmaram os seguranças do estabelecimento, segundo a polícia somali.

O gerente do hotel, Mohamed Mohamud, informou que ambos foram registrados como jornalistas.

nur-jmm-lp/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.